Como fazer máscara de tecido e o que você precisa saber sobre ela

como fazer máscara de tecido

O uso da máscara de tecido é uma forma de reforçar a proteção contra o coronavírus, junto com o distanciamento social e a higienização das mãos. Além do Ministério da Saúde recomendar fortemente a utilização da máscara, vários Estados, a exemplo do Rio Grande do Sul, vêm tornando seu uso obrigatório em áreas públicas e em ambientes fechados nos quais haja aglomeração ou grupos de pessoas.

Uma das vantagens da máscara de pano é que ela pode ser facilmente confeccionada em casa com qualquer pedaço de tecido que esteja à disposição. Vale desmanchar aquela camisa velha, a camiseta que você não usa mais e assim por diante.

Continuar lendo

Ansiedade e coronavírus: 7 dicas para ficar bem na quarentena

ansiedade e coronavírus dicas para ficar bem

Para desacelerar a contaminação pelo novo coronavírus, as autoridades municipais e estaduais, o Ministério da Saúde e a Organização Mundial de Saúde têm feito um apelo no sentido de que as pessoas permaneçam em casa e evitem deslocamentos desnecessários, ou seja, fiquem em quarentena voluntária.

Embora a possibilidade de ficar em casa seja um privilégio, visto que muitas pessoas exercem atividades essenciais e precisam sair às ruas para desempenhá-las, nem por isso o isolamento social é algo fácil de ser enfrentado. A mudança abrupta no cotidiano pode desencadear sintomas de ansiedade, e saber como amenizá-los nesse momento é um aprendizado importante.

Continuar lendo

Coronavírus: quais os sintomas e o que fazer se eles aparecerem

coronavírus sintomas

A Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus, já é uma realidade entre nós. O vírus já circula pelo país e o nosso papel, agora, é tomar todos os cuidados para a prevenção e ficar atentos aos sintomas.

Como uma síndrome respiratória, a Covid-19 pode ser facilmente confundida com uma gripe. De acordo com a Organização Mundial da Saúde, os sintomas mais comuns são febre, que pode ser alta, tosse, cansaço e dificuldade para respirar. Alguns pacientes também podem apresentar dores no corpo, congestão nasal, dor de garganta e até diarreia. Na maioria das pessoas, esses sintomas são leves e devem ser tratados em casa, para evitar a superlotação das unidades de saúde. 

Continuar lendo